O juiz federal Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava Jato na primeira instância, autorizou nesta sexta-feira (13)

O juiz federal Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava Jato na primeira instância, autorizou nesta sexta-feira (13) que o ex-diretor da área internacional da Petrobras Nestor Cerveró faça tratamento psicológico na carceragem da Polícia Federal em Curitiba.

No último dia 4, Cerveró teve um pico de pressão arterial e precisou ser atendido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Segundo a defesa do ex-diretor, ele sofre de um transtorno psicótico e precisaria de um tratamento psicoterapêutico “com a maior brevidade possível”. O tratamento inclui, além de acompanhamento médico, consultas semanais com um psicólogo.

Na decisão, Sérgio Moro afirma que o relatório médico anexado pela defesa de Cerveró ao p

 

 

Em depoimento à Justiça Federal do Paraná, o ex-diretor de Refino a Abastecimento da Petrobras

O sentimento da maioria dos pouco mais de cinco mil moradores da cidade de Lagoa do Sítio

O Ministério da Fazenda divulgou nota à imprensa nesta sexta-feira (13) para dizer que não procedem

Começou a vigorar nesta quinta-feira (1º) o O novo valor do salário mínimo nacional.

Noticias Recentes

CURTA NOSSA PAGINA

Imagens Noticias

Cantor gospel faz carreira nas ruas e dá exemplo em evangelismo local

VEJA 5 GRANDES MITOS SOBRE HOSPEDAGEM DE SITES

Costa diz que só tratava de propina em encontros com Fernando Baiano

Polêmica na Argentina: como uma joelhada pode ter tirado Papu Gómez da Copa

Juiz da Lava Jato autoriza Cerveró a fazer tratamento psicológico na prisão

Tratamentos Caseiros para Manchas de Acne

Simony festeja os 15 anos da filha Aysha Benelli

Fora da Copa, Sandro Wagner se aposenta da seleção. Löw